Saúde Integral

24/04/2019 08h00

Pilates é tudo de bom

Os estudos confirmam: a técnica gera incríveis benefícios para o corpo e a mente

Por Nosso Bem Estar

Pixabay
Pilates (1)

Pilates é tudo de bom!!

A prática de atividade física proporciona diversos benefícios para o corpo, e isso também acontece com o pilates. O método — que tem como princípios básicos a respiração, concentração, centralidade, controle, precisão e fluidez — pode ser realizado por pessoas de todas as idades, melhorando o bem-estar e a saúde do corpo e da mente.

Um estudo desenvolvido no mestrado de Gerontologia da USP mostrou que o Mat Pilates, cujos movimentos são realizados apenas no chão, pode melhorar a força e a função cardiovascular de pessoas idosas.

Para a população de forma geral, a atividade pode ser positiva em outros aspectos, como flexibilidade, definição do abdômen, diminuição do estresse, reabilitação de doenças, entre outros. Quer saber mais? Então, continue a leitura e entenda os incríveis benefícios do pilates!

Correção de postura

Muitas pessoas sentem dor nas costas devido à postura inadequada. Nesse sentido, praticar pilates pode ser positivo para minimizar essa situação, pois com os exercícios de alongamento, a coluna fica mais alinhada e, além disso, os músculos adquirem maior força para sustentar a lombar. A melhoria na postura também é um dos benefícios do pilates para crianças.

Tratamento para dor

Quem sofre com dor no corpo e na região lombar, causada por doenças como fibromialgia, hérnia de disco, lombalgia, entre outras, pode obter resultados satisfatórios com o pilates. A prática vem sendo adotada como tratamento para essas e outras doenças e alguns estudos demonstram a sua eficácia.

O Departamento de Medicina do Esporte e Reabilitação do Instituto Ortopédico Gaetano Pini, na Itália, indicou que o tratamento com pilates em pacientes com dor lombar apresenta ganhos similares à fisioterapia tradicional. De acordo com o estudo, o principal diferencial do pilates está na satisfação dos pacientes.

Já um estudo realizado pela Universidade de Uludag na Turquia mostrou que o método apresenta bons resultados no tratamento de fibromialgia.

Melhoria na flexibilidade

Um dos principais benefícios do pilates está relacionado com a flexibilidade. Os movimentos realizados proporcionam alongamento e fortalecimento, e contribuem com atividades simples do dia a dia como o corriqueiro ato de amarrar um tênis.

Além disso, a flexibilidade, aliada ao aumento da resistência muscular, é vantajosa para a realização de outros exercícios, como corrida, e pode evitar lesões.

Esse benefício também pode ser percebido na população idosa. Um estudo desenvolvido no mestrado de Gerontologia da USP, divulgado pela publicação National Institute for Health Research em um compilado com mais de 500 artigos pelo mundo, mostrou que pessoas acima de 60 anos e com condições físicas para a prática de pilates podem perceber efeitos positivos relacionados à flexibilidade, força, fortalecimento dos membros inferiores e evolução da função cardiovascular.

Combate ao estresse

Toda forma de atividade física contribui para aumentar a sensação de bem-estar e minimizar o estresse. Como o pilates trabalha a respiração, o equilíbrio e a concentração, ele também pode ser benéfico para aliviar o nervosismo com as pressões no trabalho, de tarefas diárias etc. Além disso, ao estimular um maior controle do corpo, a atividade possibilita que o praticante lide melhor com questões relacionadas à ansiedade.

Definição abdominal

Algumas pessoas se dedicam ao pilates buscando definição da musculatura, especialmente na região abdominal. Isso porque a técnica elaborada por Joseph Pilates é baseada no centro do corpo, o que contribui para fortalecer a região torácica, abdominal e pélvica.

Por trabalhar a região pélvica, os exercícios são indicados para gestantes, em casos de parto natural. Além disso, o método reduz a dor lombar e melhora o equilíbrio durante a gestação.

Reabilitação física

Outro fator positivo é quanto à reabilitação física em diversas doenças, tais como doença de Parkinson, acidente vascular cerebral, cirurgias, tratamentos ortopédicos, entre outras. O método contribui com a melhora dos movimentos e estimula a concentração e a coordenação motora, contudo, é importante lembrar que ele deve ser acompanhado por profissionais especializados.

Esses são alguns dos incríveis benefícios do pilates. O exercício trabalha o corpo como um todo, proporcionando bem-estar, fortalecimento muscular, melhora na respiração e concentração, entre outras vantagens. Esses benefícios fazem com que o método seja praticado por inúmeras pessoas, entretanto, para ter bons resultados, é fundamental buscar acompanhamento profissional.

Gostou de saber mais sobre os benefícios do pilates? Já conhecia todos eles? Ainda não pratica? Corra lá e busque um bom profissional na sua região.

 

 

X